sábado, 17 de junho de 2006

Brasil-Inglaterra

Os portugueses adoram falar mal dos portugueses, do que os portugueses fazem ou não fazem, do que os portugueses são ou não são, enfim, os portugueses adoram falar mal. Além disso, os portugueses também adoram dizer que só os portugueses adoram falar mal dos portugueses.

Mas será verdade?

O que se segue é a tradução de um post encontrado aqui:

Estamos a minutos do jogo Brasil-Inglaterra no Campeonato do Mundo.
Ronaldinho entra no vestiário brasileiro e encontra os companheiros um pouco sombrios.
"Que se passa?", pergunta.
"Bem, estamos com dificuldade em encontrar motivação para este jogo. Sabemos que é importante, mas é só a Inglaterra. Eles são uma m*rda e não estamos para nos chatear.
Ronaldinho olha os companheiros e diz: "Bem, acho que consigo ganhar-lhes sozinho. Podem ir para o bar, rapazes."
E assim, Ronaldinho vai sozinho defrontar a Inglaterra e o resto da equipa brasileira vai beber umas canecas.
Depois de algumas cervejas, ficam curiosos sobre como o jogo estará a decorrer, e conseguem que o dono do bar ligue o teletexto. Soa uma grande aclamação quando no écran aparece escrito "Brasil 1 - Inglaterra 0 (Ronaldinho, 10 minutos)". Ele está a ganhar sozinho à Inglaterra!
Mais umas cervejas e o jogo é esquecido até que alguém lembra: "O jogo já deve ter acabado, vejamos como foi". Voltam a ligar o teletexto.
"Resultado final "Brasil 1 (Ronaldinho, 10 minutos) - Inglaterra 1 (Crouch, 89 minutos)".
Não conseguem acreditar. Ronaldinho conseguiu sozinho um empate contra a Inglaterra!
Apressam-se a regressar ao estádio para dar os parabéns a Ronaldinho. Encontram-no no vestiário, ainda com o equipamento vestido, sentado com a cabeça nas mãos.
Recusa-se a encarar os companheiros. "Deixei-vos ficar mal... deixei-vos ficar mal."
"Não sejas estúpido! Conseguiste sozinho empatar com a Inglaterra. E eles só foram capazes de marcar mesmo no fim!"
"Não, não, eu falhei, deixei-vos ficar mal... fui expulso aos 12 minutos!"


E agora? Quem fala pior de si próprio?

Gostava de ver um português a contar uma anedota destas sobre a sua selecção de futebol.

Ou um brasileiro, já agora...

Sem comentários:

Enviar um comentário