sexta-feira, 7 de julho de 2006

Vendo o lado positivo da derrota

Ontem, numa das reportagens de um dos canais sobre o jogo com a França, apareceu um cretino qualquer, emigra (emigra? assim depreciativo? sim, emigra. este é) em França, a cantar o hino nacional português, embrulhado numa bandeira, e a fazer a saudação nazi.

Foi com grande satisfação que vi o mesmo paspalho, mais tarde na mesma reportagem, a chorar baba e ranho.

Bem feita!

Sem comentários:

Enviar um comentário