quinta-feira, 26 de outubro de 2006

And now for something completely different: deeeeep life!

Vida profunda foi o que encontraram num buraco escavado quase 4 km abaixo da superfície terrestre, na África do Sul. Bactérias, claro, mas umas bactérias especialíssimas que retiram a sua energia não do Sol, não de reacções químicas, mas do decaimento radioactivo das rochas no interior da Terra. Parece que estão isoladas do resto da biosfera há pelo menos três milhões de anos, se bem que a incerteza neste número é tão grande que pode chegar aos 25 milhões de anos...

Em tempos, pensou-se que toda a vida dependia do Sol para sobreviver. É com base nessa ideia que ainda hoje se procuram noutros locais indícios de vida. Mas essa parece ser cada vez mais uma ideia errada. O Sol limita-se a ser a fonte mais acessível de energia, nada mais.

Sem comentários:

Enviar um comentário