sábado, 23 de agosto de 2008

Semana

Uma semana de semi-descanso, com alguns dias de descanso completo. Mas ainda tive de trabalhar um pouco: lendo o próximo livro, tentando encontrar um bom ponto para o separar em dois (está difícil) e traduzindo o extracto.

No wiki é que a semana foi proveitosa, com o total de páginas a subir a 13 503, mais 163 do que na semana passada.

Também deu tempo para ler outras coisas. Li três contos de Orlando Neves: O Homem Apressado, um conto surrealista com toques de horror sobre um homem que se vai devorando aos poucos; Um Bom Pai, outro conto com toques de horror sobre o regresso a casa de um pai de família psicologicamente pouco estável; A Sombra, um conto fantástico sobre a morte. Todos bem conseguidos. Em "estrangeiro", li The Circle Curse, de Fritz Leiber, um conto de fantasia da série do Fafhrd e Rateiro Cinzento. Também li O Stutzman Voador, um conto de fantasia com toques de horror de Neal Barrett, Jr., acerca de um viajante que se vê apanhado num ciclo infinito de viagens aéreas do qual não consegue sair, e que seria bastante interessante se não estivesse tão mal traduzido. Por fim, li Ao Vivo, e Morto Também, um conto francamente mau de Octávio dos Santos, que começa por parecer uma sátira à reality-TV, mas rapidamente descamba numa espécie de discurso juvenil do autor sobre aquilo que acha estar mal no nosso mundo.

Até para a semana.

Sem comentários:

Enviar um comentário