sábado, 10 de maio de 2014

Lido: Procimamente (Director's Cut)

Procimamente (Director's Cut), que desta vez é mesmo título (e não, não há nele nenhuma gralha), é mais um poemita de Daniel Maia-Pinto Rodrigues, mais precisamente uma quadra, sobre o que o boi fez à rata. Bem, sobre isso mas também sobre a simplificação ortográfica excessiva (ou, como escreveria o putativo autor da quadra, eiscessiva) que, subentende-se, é coisa para que caminha a língua tal e qual é escrita o que, imagina-se, muito aflige o autor verdadeiro do alerta subentendido. Perceberam? Eu também acho que sim.

Tem alguma piada, sim, mesmo não concordando eu nada com estes alertas mais ou menos apocalípticos por mais travestidos de humor que pareçam. E nem é questão de "ezigência" (por que não "izigência", já agora?...). É porque procuro lembrar-me de que estas "deturpações" são em boa medida resultado da democratição do ensino e da alfabetização para todos, aliadas às tendências subversivas que a juventude que o é de facto sempre teve. Nem sempre consigo, em especial quando deparo com exemplos particularmente ridículos de miguxês. Mas procuro, isso procuro. E o texto sobre o poemita já vai muito mais longo do que o dito. Provavelmente porque não é só sobre o poemita. Ora bem.

Textos anteriores deste livro:

Sem comentários:

Enviar um comentário