terça-feira, 13 de maio de 2014

Lido: A Vida com Jane

A Vida com Jane (bibliografia) é uma noveleta de ficção científica de A. E. Van Vogt que, infelizmente, foi traduzida pelo Eduardo Saló. Sim, esta é mesmo a informação mais relevante que se pode dar sobre esta leitura.

É que a história parece talvez não ser propriamente boa, mas ser pelo menos interessante, inteligente e muito dependente da precisão da linguagem para funcionar. Gira em volta de androides quase indistiguíveis dos humanos e de uma rapariga que foi educada com eles e por eles e mostra algumas capacidades extraordinárias, tudo no meio de uma trama quase policial com tomadas de reféns e exigências de libertação de prisioneiros. Só que no meio disto tudo aparece o Saló.

Eduardo Saló é famigerado por chamar "cibermaníaco" ao "ciberpunk" e mostrar uma certa tendência para "corrigir" o que não percebe quando está a traduzir FC. Naves vivas transformam-se magicamente em vulgares naves de aço e coisas do género. E aqui nota-se demasiado que houve muito que não percebeu. As "correções" saíram-lhe francamente mal. O resultado? Um texto quase ilegível, atrás do qual Van Vogt quase desaparece.

Há traduções que ultrapassam a simples ruindade e atingem o grau de catastróficas. Esta é uma delas.

Contos anteriores deste livro:

Sem comentários:

Enviar um comentário