sexta-feira, 20 de junho de 2014

Lido: O Nome do Rei

O Nome do Rei (bibliografia) é um conto de história alternativa, de Bruno Martins Soares, sobre um regicídio. Não aquele que existiu na história real, entenda-se, visto que este, no universo alternativo que Soares nos apresenta, nunca chegou a existir, mas outro, quase um século mais tarde, num Portugal que entrou em monarquia pelo século XXI dentro. Narrado na primeira pessoa por um jornalista a quem foi atribuída a responsabilidade de cobrir a o assassínio do rei, e por extensão a sua vida, é um conto que começa lento e um pouco mole, com demasiado infodump e uma voz insuficientemente consistente, mas vai ganhando solidez ao longo das páginas até acabar bastante bom, numa reflexão muito interessante e bem conseguida sobre a morte, a história e a condição humana. Embora aquele início talvez merecesse uma revisão, e apesar do Bruno Martins Soares cair na armadilha lógica de manter as mesmas personalidades da nossa linha temporal num mundo profundamente alterado, em que é comum os escritores de história alternativa caírem, o final é suficientemente forte para elevar este conto acima da mediania. Claramente o melhor do livro até agora.

Contos anteriores deste livro:

Sem comentários:

Enviar um comentário