quarta-feira, 8 de abril de 2015

Lido: Manuscrito Encontrado Numa Garrafa

Manuscrito Encontrado Numa Garrafa (bibliografia) é um conto de horror de Edgar Allan Poe, escrito em forma de depoimento pelo protagonista, que, como o título indica, o terá lançado ao mar dentro de uma garrafa na esperança de um dia alguém o encontrar. Nesse depoimento é relatada uma mirabolante história de naufrágios, salvamentos in extremis e misteriosas viagens por um mundo e num navio alterados e mais que um pouco fantasmagóricos, principalmente o navio, visto ser tripulado por marinheiros que são descritos como homens (serão homens?) quase incompreensivelmente envelhecidos.

É um conto excelente, como seria de esperar de Poe, e que põe em cheque alguns clichés sobre a arte da escrita que se têm tornado populares nos últimos tempos. De facto, aqui Poe não mostra nada, conta tudo. E no entanto não há neste conto nada fora do sítio, o que indica que não é no contar ou mostrar que está a questão, mas na qualidade do texto e na perícia com que o autor transmite ao leitor o que pretende transmitir.

Um conto de leitura muito aconselhável, em particular aos que pensam que as receitas que aprendem em cursos de escrita criativa são o alfa e o ómega da criação literária.

Sem comentários:

Enviar um comentário