quarta-feira, 17 de junho de 2015

Lido: Escape

Escape (bibliografia) é um conto de uma ficção científica algo surreal, de J. G. Ballard, que se desenrola em ambiente doméstico. Um casal está pacatamente a ver televisão quando o homem se começa a irritar com uma avaria que parece não ter sido detetada pela emissora: como se fosse um velho vinil riscado, a gravação do programa chega a um certo ponto e volta para trás, recomeçando normalmente a partir de algo que já tinha sido emitido cerca de quinze minutos antes.

Só que se calhar não é na emissora que está a avaria; é no próprio tempo.

A FC tem relativa abundância de histórias sobre anomalias espaçotemporais, em que aparecem portais, ciclos mais ou menos fechados, toda uma panóplia de alterações topológicas no espaçotempo, que muitas vezes se abatem sobre cidadãos desprevenidos, deixando-os não raro tão confusos e à deriva como ao leitor. Muitas vezes esse tipo de alteração dá boas ou excelentes histórias. E esta é uma dessas histórias.

Contos anteriores deste livro:

Sem comentários:

Enviar um comentário