sábado, 26 de dezembro de 2015

Lido: Distrito Federal

Distrito Federal é um contículo experimental de Luiz Bras, que esboça em traços largos a invasão do Distrito Federal por criaturas mitológicas, brasileiras e não só, em perseguição de diversos tipos de parasitas sociais que enxamearão a região: senadores corruptos, deputados racistas e homofóbicos, por aí fora. Uma ficção política brevíssima e eficaz, a fazer lembrar um pouco os contos de Mário-Henrique Leiria, embora seja improvável que Luiz Bras os conheça. Muito interessante.

Sem comentários:

Enviar um comentário