quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Lido: Passaporte Para o Eterno

Passaporte Para o Eterno (bibliografia) é uma coletânea de contos de ficção científica de J. G. Ballard, escritos na fase inicial da sua carreira. E isso nota-se, em especial em alguns deles. As histórias ballardianas por excelência, embora variadas em quase tudo o resto, têm uma atmosfera muito própria, muito característica e, apesar de vários dos contos aqui contidos já a mostrarem, outros ainda não.

Talvez por isso, ou pelo menos também por isso, esta coletânea é algo irregular. Há aqui alguns contos da melhor qualidade e a maioria deles é, até, do bom para cima, mas aqui também se encontram alguns que são bastante mais fracos do que fui habituado a esperar de Ballard, ou pelo menos alguns com os quais o tempo foi mais cruel do que com os restantes. E a sua compilação nada faz para melhorar o conjunto: sem nenhuma unidade estrutural a gerar alguma espécie de diálogo entre umas histórias e as outras, o que aqui temos é apenas uma soma de partes. Sendo a maioria das partes boas, contudo, a soma também o é. Não tão boa como poderia ser sem dois ou três destes contos, mas boa.

Eis o que achei de cada uma das nove histórias que compõem o livro:
Este livro foi comprado.

Sem comentários:

Enviar um comentário