sábado, 26 de março de 2016

Lido: Raposinha Gaiteira

Raposinha Gaiteira é, claro, mais uma história popular cuja protagonista é uma raposa. Trata-se de uma fábula que conta uma história de enganos na qual a raposa, claro, é a representação da astúcia e da inteligência manhosa e o lobo, seu compadre, é a vítima que cai sempre nas matreirices da raposa. O curioso aqui é que a raposa também começa por ser vítima de um engano, perpetrado por um outro compadre seu, um grou, que depois como que despoleta não só a vingança como todas as outras manigâncias que se seguem. Uma historinha curiosa, sem quase nada de lengalenga e, no contexto das histórias incluídas no livro até aqui, invulgarmente bem estruturada.

Contos anteriores deste livro:

Sem comentários:

Enviar um comentário