terça-feira, 5 de dezembro de 2017

Lido: Brinca Comigo! e Outras Estórias Fantásticas com Brinquedos

Se é verdade que há livros que acabam por se revelar melhores do que os autores poderiam fazer prever à partida, seja por serem desconhecidos, seja por obras anteriores serem muito promissoras no que toca à sua qualidade, não é menos verdade que há outros que acabam por desiludir, apesar dos nomes que apresentam.

Brinca Comigo! e Outras Estórias Fantásticas com Brinquedos (bibliografia), pequena antologia temática organizada por Miguel Neto com três noveletas e um conto escritos por alguns dos autores de género mais competentes cá do burgo, é destas últimas. Porque as suas duas obras de ficção científica, uma de fantasia científica e uma de horror, desenvolvidas em volta dos brinquedos, estão abaixo, e no caso de Barreiros bastante abaixo, do melhor que os respetivos autores já produziram. A exceção que confirma a regra é a história de Luís Filipe Silva, de longe a melhor do livro. Basta ela, na verdade, para a publicação ter valido a pena.

Sublinhe-se que nenhum dos contos é mau. A antologia não desilude por incluir ficção de má qualidade, mas por não corresponder à expetativa que os nomes dos autores criam no leitor conhecedor da FC&F portuguesa. Fosse uma publicação feita com autores pouco conhecidos não traria qualquer desilusão, bem pelo contrário, e calculo que um neófito acabe por ler estas páginas com pleno gosto. Porém, feliz ou infelizmente, eu não sou neófito, já conheço bastante bem os autores e esperava deles mais. Saí desta leitura pouco satisfeito. Não fosse a noveleta do Luís Filipe Silva, seria uma antologia apenas razoável. Com ela chega ao bom.

Eis o que achei das quatro histórias:
Este livro foi comprado.

Sem comentários:

Enviar um comentário