sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

Lido: O Fosso

O Fosso (bibliografia) é um conto de ficção científica de B. K. Filer que é francamente mau, ainda piorado por uma tradução tão tosca que chega ao ridículo de achar que tem de explicar quem foi Charles Darwin em nota de rodapé.

A história gira em volta de fósseis como, aliás, é logo dito na brevíssima apresentação do conto que se segue ao título, tão breve que consiste de uma única frase: "porquê aquela destruição sistemática dos fósseis?" É a descoberta deste porquê que serve de motor à história. Isso e os fósseis propriamente ditos, uns tais "blobs", que não se parecem com nada que se tivesse descoberto até então nos registos paleológicos e estão circunscritos a uma determinada camada geológica. As ideias, em si, não são inteiramente más — se bem que tampouco me pareçam boas; nos anos 60 já se sabia o suficiente para se fazer muito melhor —, mas estão aplicadas às três pancadas, em infodumps quase contínuos, acompanhados por um arremedo de enredo bastante infantil.

Quase tudo muito mauzinho. E no entanto, este conto foi publicado na If, uma das revistas reputadas da FC americana que chegou mesmo a ganhar prémios. É das tais coisas.

Sem comentários:

Enviar um comentário