sexta-feira, 25 de abril de 2008

Parabéns, pá!

Parabéns, rapaz, pelo 34º aniversário da tua mais recente encarnação. E desculpa lá tratar-te às vezes tão mal, mas tenho de confessar que me custa suportar aquilo que em ti resta das encarnações anteriores.

Que contes muitos. E que continues a mudar.

Sem comentários:

Enviar um comentário