sábado, 17 de maio de 2003

Transformar spam em arte (10)

Com um final de semana cheio de peripécias, algumas das quais dolorosas (já deslocaram um dedo?), voltou a acumular-se spam em grandes quantidades aqui no meu email.

Mas quarta-feira até que foi um dia inacreditavelmente calmo. Receber pouco mais de 10 spams em 24 horas deixou-me um pouco intrigado. E alegre! O lado chato foi que para além de um spam de título "have fun", nada mais apareceu de reutilizável. E com tão pouco material, a arte torna-se difícil, como se pode ver pelo que se segue:

Divirta-se

Ó amigo!
Se acha que isto é um misto
de lixo já visto e revisto
com loucura primordial
e uma grande falta de sal
fale comigo!

Se não, então divirta-se
pois só com risos, sorrisos
e outros sinais de pouco siso
é que a mioleira se agita

Sem comentários:

Enviar um comentário