quinta-feira, 19 de junho de 2003

Spamesia (45)

Ontem foram vinte spams, mas todos muito desinteressantes no subject-line. "where are you sexy" acabou por ser o melhor que se arranjou, muito pela ausência de pontuação que, apesar de incorrecta, dá à frase uma ambiguidade vagamente inspiradora. E eu, escrevi:

Onde és tu sexy?

Olhando para ti através da névoa nocturna
que põe pardas todas as coisas
menos onde uma linha de luz vinda do candeeiro da rua
desenha contornos nos corpos nus
vejo-te sexy, mas não sei onde.

Será das ancas, da curva dos seios
dos olhos que brilham no contorno escuro do rosto
do sorriso que não vejo, mas que sei que está aí
das mãos, das ondas marítimas dos cabelos?

Fico perplexo, percorro-te o corpo inteiro com dúvidas
Onde, amor, és tu sexy?
Onde fica o centro em torno do qual eu gravito?

Então perguntas-me “que foi?”, e eu descubro

Sem comentários:

Enviar um comentário