quarta-feira, 29 de outubro de 2003

Spamesia (174)

No sábado houve outro zague, com a chegada de 65 spams, incluindo várias repetições — o que é sempre uma seca. Pouca coisa aproveitável, e um dos melhores títulos foi um tal "protect your self ." Deu para fazer uma coisa grande:

Protege a tua individualidade

Às vezes apetece fugir da complexidade das coisas
escolher um único ramo da árvore de causalidade
e segui-lo até ao fim, ignorando todas as suas conexões
ramificações, antecedentes e consequências
e não ter olhos para mais do que as nossas conveniências

Mas essa escolha tem um preço feito de fios
que aparecem atados a cada um dos teus actos
fios que controlam cada um dos teus actos
levando-te a fazer a barba
quando talvez te apetecesse deixá-la crescer
ou a dizer que sim ou que não
a escolhas que nem sequer compreendes
ou a dar passos de que mais tarde te arrependes
levando-te a deixar de ser tu, exactamente,
antes uma amálgama do que és realmente
e daquilo que quem te controla pretende que sejas
a fim de proteger os seus proprios interesses
não os teus
muito menos os de todos nós

Por isso, abre os olhos para o novelo que é cada coisa
e tenta destrinçar por ti próprio os fios que a compõem
só assim podes evitar a dissolução num rebanho
ser mais um pedaço de gado, em tudo idêntico aos demais
pastoreado entre a pastagem e os currais
passando os dias na engorda, dia a dia mais próximo do fim num matadouro

Protege a tua individualidade
para isso bastar-te-á sair do nevoeiro
em que tu próprio envolves o teu cérebro
e mergulhar, de cabeça, no oceano de sinais que é o mundo real

Sem comentários:

Enviar um comentário