domingo, 7 de dezembro de 2003

Spamesia 215

Na sexta-feira houve uma estreia: spam em russo. O mais curioso foi que recebi logo vários spams e um deles foi publicidade ao partido Yabloko, cujo principal financiador está na prisão acusado de corrupção. É que hoje vota-se na Rússia. O outro dizia "Подарок любимой женшине" (podarok lyubimoy jenshine), e eu resolvi aceitar essa proposta, entre as 76 que me chegaram:

Presente para a mulher que se ama

O melhor presente possível
para dar à mulher que se ama
é dado na cama

Não, não falo do momento
em que a tempestade desaba
e o mundo se preenche
de raios e trovões

Falo do antes
da lenta construção de um universo separado
daquele onde vive o comum dos mortais
e do momento dos suspiros
depois
quando lá fora só se ouvem cantos de andorinhas

Sem comentários:

Enviar um comentário