quarta-feira, 24 de dezembro de 2003

Spamesia (231)

No domingo, foram 91 spams a atravessar os filtros. Outra vez. Os títulos foram piores que os de sábado, mas mesmo assim ainda recebi um "Games 241232". O resultado é longo:

Jogos

Numa sala um homem grita em tamanha euforia
que até a gravata lhe dança e salta em torno do pescoço
Dias depois vinte e três homens e setenta e cinco mulheres
recebem uma carta em casa a informá-los
de que podem ficar em casa porque o lugar onde trabalham
já não existe
Um dos homens aparece morto dias mais tarde
espalhados pelo chão os restos rasgados das contas
dos empréstimos para a casa e para o carro
lembram neve e são frios
Os outros choram um pouco
e há alguns que lhe invejam a coragem

Numa sala dois homens abraçam-se num amplexo viril
que faz tilintar as medalhas que forram os seus uniformes
Dias antes quarenta e dois adultos e treze crianças
tinham ficado espalhados pelo monte de entulho em que se transformou
o bloco de apartamentos em que viviam
numa cidade em guerra
Foram as primeiras vítimas de um ataque-relâmpago
destinado a destruir infra-estrutura e incapacitar canais logísticos
por forma a não deixar lançar os dois ou três mísseis balísticos
escondidos na periferia da cidade
Duas famílias desapareceram para sempre
as outras ficaram apenas um pouco mais pobres

No teu quarto, tu jogas à bolsa e ganhas
numa simulação de computador
e quando te fartas, vais tratar de aniquilar o inimigo
varrendo-o da superfície da terra virtual em que mergulhas
quando queres esquecer que à superfície da terra real
há quem jogue os mesmos jogos em tempo real
vitimando realmente gente de carne, osso e principalmente sangue
bem real

Sem comentários:

Enviar um comentário