quinta-feira, 22 de janeiro de 2004

Spamesia (261)

Na terça-feira só houve 43 spams aqui por estas bandas, mas mesmo assim apareceu um título engraçado: "corruptible bagatelle".

Bagatela corruptível

Por vezes, nas noites quentes de Verão
juntas-te aos mosquitos e morcegos
longe das luzes da cidade
ouvindo ziguezagues de brisas entre giestas
e o voo silencioso de mochos

Enconstas-te a rochedos limpos de orvalho
e mergulhas os olhos no universo

Pouco tempo demora até te sentires poeira
bagatela corruptível um grão de areia
menos relevante que qualquer ideia

Sem comentários:

Enviar um comentário