quinta-feira, 21 de outubro de 2004

Os livros que estão ali ao lado

E lá foram lidos mais dois livros, muitíssimo diferentes um do outro embora ambos sejam ficção científica e tenham sido editados pela mesma editora. O primeiro a ir foi Planeta Duplo, de John Gribbin e Marcus Chown (um romance de baixíssima qualidade, temática, estrutural e, talvez, linguística, que é piorado mais ainda por uma tradução absolutamente pavorosa. A única qualidade desta coisa é ser curta), e o segundo foi Guerra Sempre, de Joe Haldeman (muito, muito bom, e quem diz isto é um tipo que não costuma gostar de FC militar e de space opera. Está literalmente anos-luz acima do livro a que responde, o Starship Troopers do Heinlein, editado há muitos anos na Argonauta com o título de Soldado no Espaço. A todos os níveis). Para substituir estes dois livros, chegaram outros dois:

- Sulphira & Lucyphur, de António de Macedo, é um romance que vagueia algures entre a FC e a fantasia, como é hábito no autor, com misticismo e cenários novecentistas à mistura. Edição da Editorial Caminho (1995), 224 páginas.
- Corações na Atlântida, de Stephen King, é um romance bastante grande onde o autor norte-americano explora o legado deixado pela guerra do Vietname. Edição do Círculo de Leitores (2002), 679 páginas.

Sem comentários:

Enviar um comentário