domingo, 24 de janeiro de 2010

Lido: "Shopping Center"

"Shopping Center" (assim mesmo, com aspas e tudo), de Arsénio Mota, não é um conto, é uma caricatura carregada de ideologia. Dois conhecidos encontram outros dois conhecidos num centro comercial e ficam à conversa. Todos empresários, todos fiéis ovelhinhas do deus Mercado, vão dizendo uns aos outros as coisas que fazem e deixam de fazer, que compram e deixam de comprar, na sua busca infindável por status. Tudo muito óbvio, tudo muito inverosímil porque este tipo de gente, embora muitas vezes aja assim, raramente tem a candura de o admitir tão abertamente, tudo muito fraquinho. Três páginas de diálogo pouco crível que revela mais sobre as ideias do autor do que sobre aqueles que ele pretende retratar.

Sem comentários:

Enviar um comentário