quarta-feira, 19 de maio de 2010

Lido: O Ciclope Espanhol

O Ciclope Espanhol é um conto bastante curto de Rhys Hughes sobre um fabricante de lentes (espanhol, claro) que um belo dia resolve fazer um monóculo gigantesco para um cliente muito especial. Mas o monóculo acaba por ser dado, pela população da cidade em que vive, a um outro "cliente" que dele teria uma necessidade mais imediata, para desespero do artesão. O conto está bem escrito e bem concebido, mas deixou-me frio. Não consigo explicar porquê — não há, objetivamente, grandes diferenças entre este conto em concreto e outros de que gostei muito mais — mas o conto não me despertou interesse e muito menos me cativou. Também não me irritou nem desgostou. Deixou-me indiferente.

Sem comentários:

Enviar um comentário