terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Lido: Contos Dramáticos

Contos Dramáticos, mais uma das pequenas antologias distribuídas com o DN e o JN, reúne três textos que, na minha avaliação, começam muito bem e acabam muito mal. E como, além disso, mais uma vez me parece que os conteúdos não se ajustam inteiramente bem aos títulos e temas que estas antologias propõem, embora o conceito de drama tenha uma amplitude bastante grande e possa aplicar-se a quase tudo, a avaliação global da antologia não passa do razoável.

Por outro lado, este livrinho teve para mim a vantagem, relativamente a vários dos outros, de me ter proposto três contos que nunca tinha lido, o que me proporcionou uma experiência mais fresca do que aconteceu com os Contos Imaginários ou os Contos Fantasmas, entre outros. Suponho que por se debruçar sobre um tipo de história que não costumo consumir e portanto conheço pior. São as vantagens da ignorância.

É livro que vale a pena ser lido? Para ser fiel à minha velha ideia de que basta conter uma história realmente boa para valer a pena, só posso responder que sim, é. Não me agradou muito, é certo, mas valeu a pena.

Eis o que achei dos três contos:
Este livro foi comprado.

Sem comentários:

Enviar um comentário