sexta-feira, 23 de julho de 2010

Lido: O Segredo do Mar

O Segredo do Mar é outro dos pequenos contos do Lorde Dunsany. Desta feita o protagonista é um homem que pretende ficar a saber um segredo que só lhe pode ser contado por um velho marinheiro, bêbado e de língua tão porca como nestas histórias costumam ser os velhos marinheiros. Mas o segredo é-o muito, o homem tem a língua bem presa a esse respeito e por isso, para tentar soltá-la, o protagonista mune-se de uma garrafa de ferro cheia de um vinho mágico que terá obtido junto dos gnomos. E o conto segue por aí fora, entre a ansiedade de um e a bebedeira do outro, até chegar ao fim, que é quando uma delas acaba. Não vos direi qual nem porquê. Mas digo que foi outro conto de que gostei muito. Deixei-me embalar por ele quase como que pelas ondas do mar. Balançando. Balançando.

Sem comentários:

Enviar um comentário