domingo, 24 de novembro de 2013

Lido: Epitáfio Ecológico

Epitáfio Ecológico é uma crónica de José Alberto Braga sobre ecologia. Há aqui uma intenção mais opinativa do que propriamente humorística, embora o Braga humorista não desapareça. Mas este é dos textos escritos mais a sério que o livro apresentou até agora, oferecendo uma perspetiva cínica e desistente das questões ecológicas. Em duas palavras, o que Braga aqui diz é que a ideia ecológica até poderia ser boa mas já chega tarde, não tem poder, e portanto nunca terá viabilidade. Engana-se; o ideal de desenvolvimento ecológico, mesmo com todas as contradições inerentes à luta que trava, mesmo com a força do poder económico que se lhe opõe, mesmo com os altos e baixos interligados aos altos e baixos (nos últimos tempos mais baixos que altos) da economia, tem vindo a ganhar espaço e a ser posto em prática. De forma insuficiente? Sem dúvida. Mas bem mais do que Braga parece aqui temer.

Não tendo gostado das ideias que transmite, devo dizer que a crónica, em si, não é má, o que é um ponto a favor do seu autor.

Textos anteriores deste livro:

Sem comentários:

Enviar um comentário