segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Lido: A Garra do Macaco

A Garra do Macaco (bibliografia) é um conto de terror de William W. Jacobs baseado na velha história das Mil e Uma Noites sobre o génio e a lâmpada. Aqui não existe génio nem há que esfregar nada, mas os desejos são na mesma concedidos, em número de três, encarregando-se o destino, o demónio, ou o que seja que anima a garra (ou mão) de macaco que os concede de o fazer da forma menos amena possível para quem os pede. É um conto bastante bom, que poderia vir com a epígrafe de "cuidado com o que desejas, porque pode ser-te concedido". E digo-o mesmo sendo muito avesso à ideia conservadora de restringir as aspirações ao comezinho que lhe subjaz. À ideia de que é melhor não aspirar a nada mais do que já se tem, a nenhuma transformação que o seja de facto. À resignação cobarde com o que a vida tem destinado a cada um. Detesto estas ideias, e são elas que estão nas entrelinhas deste conto. Mas o conto, em si mesmo, é bom.

Conto anterior deste livro:

Sem comentários:

Enviar um comentário