quarta-feira, 11 de outubro de 2017

Lido: Second Sight

Mais uma das pequenas vinhetas de Bruce Holland Rogers, e esta também não teve edição em português. Second Sight é daquelas histórias de horror que parecem servir de ilustração ao célebre adágio "cuidado com o que pedes, porque pode ser-te concedido"... e até está escrita em segunda pessoa e tudo.

O protagonista, você, é alguém que tem um objetivo: ver fantasmas. Para isso, encontra uma loja vazia e espera até que, à meia noite, soa uma voz que lhe explica como o fazer... e avisa que vez fantasmas não é como imagina. Mas o protagonista, você, é obstinado, e faz o que há a fazer para ver fantasmas. E vê fantasmas. E, como tinha sido prevenido, não é como imagina, o que naturalmente tem consequências.

Esta é mais uma historinha inteligente e subtil, bem escrita, precisamente o que quem o conhece espera do autor.

Outras histórias divulgadas na newsletter de Bruce Holland Rogers:

Sem comentários:

Enviar um comentário