segunda-feira, 18 de julho de 2016

Lido: 2014 Campbellian Anthology - Bonnie Jo Stufflebeam

Bonnie Jo Stufflebeam está presente nesta antologia com dois contos e um poema.

The Wanderers é um conto de ficção científica forte e corrosivamente irónico que consiste numa mensagem dirigida à humanidade por um grupo de alienígenas que, como eles dizem, "vieram para o nosso planeta por terem compreendido que nós, os povos de Kill Bill, Saw, Vietnam e Columbine Massacre os compreenderíamos." É uma história de contacto humano-alienígena que usa os malentendidos para nos criticar, ou pelo menos a algumas das nossas realizações e/ou características. E isso é bom, ainda que esta minha opinião possa ser suspeita pois escrevi uma história dessas, o que é capaz de mostrar um certo gostinho especial por elas.

The Siren não é um conto sobre uma sirene, mas sim um conto sobre uma sereia. Fantasia, portanto. Ou talvez horror, pois já desde os gregos se sabe bem como o canto das sereias pode levar os homens a cometer quaisquer loucuras. Ou, como neste caso, as mulheres. O conto é mais uma vez bom, e o complicado enredo sentimental que a sereia origina, com lesbianismo misturado com uma problemática rivalidade entre uma mãe e uma filha pelo afeto da sereia, confere-lhe níveis acrescidos (e crescentes) de tensão.

The Ferryman, é um poema bastante curto que sugere uma história de horror nos pântanos do delta do Mississípi e consegue criar com bastante eficácia uma atmosfera opressiva e... bem... húmida. Vale o que vale, mas também gostei.

Sem comentários:

Enviar um comentário